Sem categoria

Início de uma nova era: Equipe Oficial Mercedes-Benz EQ Fórmula E

  • O novo time entrará no Campeonato “ABB FIA Fórmula E” na 6° Temporada (2019/2020)
  • Mercedes-Benz EQ Silver Arrow 01”, é apresentado no Salão do Automóvel de Frankfurt além de nova dupla de pilotos e Ian James como chefe de equipe
  • A Mercedes-Benz se tornou a única marca automotiva do mundo a competir tanto na Fórmula 1 quanto na Fórmula E

 

Com 125 anos de história no automobilismo, a Mercedes-Benz está prestes a escrever um novo capítulo na temporada 2019/2020 do ABB FIA Fórmula E, que começará em novembro, na Arábia Saudita.

 

Ocupando o comando dos dois Mercedes-Benz EQ Silver Arrow 01 estarão o ex-piloto de Fórmula 1, Stoffel Vandoorne e o líder do campeonato de Fórmula 2 da FIA, Nyck de Vries. Além dos pilotos, Ian James, foi oficialmente apresentado como chefe da equipe durante o evento IAA de Frankfurt. Em sua temporada de estreia, o time vai se basear nos extensos conhecimentos obtidos no automobilismo pela Mercedes-Benz em diversas categorias.

Uma dupla de pilotos e experiências

Com uma equipe composta de Stoffel Vandoorne e Nyck de Vries para a estreia, a Mercedes-Benz recrutou um piloto com experiência na Fórmula E e um jovem com talento altamente promissor.

 

Depois de seu ano de estreia com a equipe HWA RACELAB, Vandoorne está pronto a embarcar em sua segunda temporada nas séries de corridas dos elétricos. Ao mesmo tempo, ele se recorda da experiência obtida em 41 Grand Prix de Fórmula 1. “A chegada da Mercedes-Benz nesse cenário é uma grande oportunidade para todos nós. Estou ansioso para ver o que poderemos conquistar como equipe”, disse Stoffel.

 

Já Nyck, estará em sua temporada de estreia na Fórmula E. Com quatro corridas ainda restando no campeonato de Fórmula 2 de 2019 da FIA, ele atualmente lidera a classificação dos pilotos. “É uma sensação muito especial ser convidado a pilotar para a Mercedes-Benz EQ na Fórmula E, e estou honrado de ter sido escolhido como um de seus dois pilotos. A Fórmula E é uma grande plataforma que já se estabeleceu como uma das maiores e mais profissionais séries de corridas fora da Fórmula 1. É uma grande oportunidade, pela qual estou realmente muito grato”, disse Nyck.

 

Mercedes-Benz EQ Silver Arrow 01

No início de março deste ano, o primeiro veículo de corrida totalmente elétrico da Mercedes-Benz foi apresentado no Salão do Automóvel de Genebra, o Mercedes-Benz EQ Silver Arrow 01.

 

Com um design singular e linhas acentuadas. No coração do Flechas de Prata está um trem de força elétrico que foi projetado e desenvolvido pela Mercedes-AMG High Performance Powertrains (HPP) em Brixworth, no Reino Unido, que é o centro global de excelência do Grupo Daimler para tecnologia híbrida de alto desempenho. Na cidade também continua o desenvolvimento das unidades híbridas com as quais a Mercedes-Benz tem vencido o campeonato de Fórmula 1 nos últimos cinco anos.

 

O futuro da mobilidade

Com sua entrada no campeonato, a marca se tornou a única marca automotiva do mundo a competir tanto na Fórmula 1 quanto na Fórmula E. Essa estratégia permite que as lições aprendidas nos campeonatos das pistas de corridas sejam transferidas também para as estradas. As duas plataformas juntas formam um importante propulsor de tecnologia para toda a família de veículos da Mercedes-Benz e vão ajudar a moldar o futuro do automóvel.

 

“A Fórmula E traz todo o entusiasmo e paixão pelas corridas para os centros das cidades, o que é um conceito absolutamente único, ” disse Toto Wolff, Head da Mercedes-Benz Motorsport. “Isso faz com que esta nova competição seja inteiramente nova para nós. Mas estamos ansiosos para enfrentar o desafio de demonstrar o desempenho de nossos trens de força elétricos no automobilismo também, e de dar um impulso positivo à marca EQ.” Na Fórmula E, temos a oportunidade de falar para um público alvo jovem que tem interesse no futuro da mobilidade, especialmente nas áreas dentro das cidades das principais metrópoles,” acrescenta Toto Wolff.  “Ao mesmo tempo, é uma plataforma fantástica para garantir que o princípio da sustentabilidade atinja esse público alvo também. É claro que somos em primeiro lugar e acima de tudo, corredores, mas para mim esse relacionamento é um dos outros fatores de motivação que fundamentam nosso envolvimento na Fórmula E.”

Post anteriores

Vistoria mobile reduz em até 10 dias prazo de reparo de automóveis

Próximo post

Detran.SP realiza simulações de resgate e ações educativas na Semana Nacional de Trânsito